Cursos Italiano Jurídico 2018

Como se tornar um Tradutor Juramentado na Itália

Quem é o tradutor juramentado e o que ele faz?

O tradutor juramentado na Itália é um profissional inscrito em Câmaras de Comércio ou Tribunais italianos, o que o habilita a realizar a tradução de documentos administrativos (públicos, privados, acadêmicos), notariais e judiciais, assinando perante um funcionário responsável a correspondência de atos que ele traduziu com os originais.

As traduções que seguem este processo são chamadas de traduções juramentadas e podem ser usadas em processos civis e criminais.

O tradutor juramentado na Itália pode trabalhar como colaborador ou funcionário de agência especializada no setor ou como freelancer, prestando serviço a particulares ou ao Tribunal de determinada província - neste último caso, assume o título de Consultor Técnico do Tribunal e para exercer a função deve obrigatoriamente estar inscrito na lista de Consultores Técnicos de Ofício (CTU) do Tribunal onde trabalha ou tem a intenção de trabalhar.   

Para aqueles interessados em fazer parte da CTU, lembre-se que antes de ser chamado para realizar uma atribuição pode ter que aguardar meses ou mesmo anos: os juízes, na verdade, tendem a contar com profissionais com quem já estabeleceram uma relação de colaboração e confiança.

O tradutor juramentado, também, pode prestar serviço de intérprete em Tribunal (sob juramento) ou de tradução escrita, trabalhando a partir de casa ou de escritório e, depois, entregando o material ao cliente (privado ou público). 

CURSO INTENSIVO DE ITALIANO JURÍDICO NA ITÁLIA - SAIBA MAIS AQUI 

Neste caso, o tradutor deverá dirigir-se à unidade do serviço público para o registro competente com o original e a tradução acompanhados de selos, carta de compromisso (onde constem os dados do tradutor, tipo de texto, cópia de idiomas, data de início e término) e asseverar os documentos, assinando o formulário apropriado na presença do funcionário encarregado da tarefa.

Tradutor juramentado: requisitos e processo burocrático na Itália

Como se tornar um tradutor juramentado? Primeiro de tudo, é necessário ter frequentado cursos com um certificado final que ateste o conhecimento de uma ou mais línguas estrangeiras ou ter um diploma de licenciatura em Língua e Literatura Estrangeira ou ser tradutor do idioma da sua língua materna. 

SAIBA COMO VALIDAR O SEU DIPLOMA NA ITÁLIA - ACESSE AQUI

Estes requisitos são necessários para o exame da adequação das Câmaras de Comércio individuais antes da inscrição no Registro de Tradutores Juramentados e Intérpretes - Albo dei Traduttori Giurati ed Interpretariato -  

Neste sentido, será necessária a inscrição junto à Câmara de Comércio de competência, onde o exame é agendado em períodos programados. Todos os formulários e documentos necessários para apresentar o pedido deverão ser entregues. O candidato, quando apresenta seu pedido, tem a possibilidade de escolher uma ou duas línguas estrangeiras para fazer o exame como tradutor juramentado e/ou intérprete.

Veja aqui os documentos solicitados pela Camera di Commercio di Torino

Uma vez feito o pedido, aguarda-se a convocação para a primeira sessão útil. Se aprovado, poderá inscrever-se no Registro e praticar a profissão.

Aqueles que querem se tornar Consultor Técnico do Tribunal devem se dirigir à corte onde pretendem exercer o ofício e verificar o procedimento para o registro nas listas da CTU. Este procedimento varia de região para região. Em todos os casos, é sempre necessário apresentar um documento oficial que ateste a profissão do requerente e o pagamento de uma taxa de inscrição, na ordem de 150 a 200 euros. Fonte da pesquisa: http://lavoro.excite.it/ 



1 Comentários


  1. Paola Croso
    04 Jul 2018
    Parabéns Claudia ! muito obrigada pelas informações preciosas sobre o Tradutor Publico na Italia!!
    Não vejo a hora que chegue Novembro para começar o nosso curso de Italiano Jurídico em Le Marche!! beijos!
    Paola

Seu comentário

  • Oriundi

    Giornalismo fatto con passione