FABIO PORTA CANDIDATO PD

Eleições italianas na Venezuela, denúncia de novo caso de fraude

A candidata líder de lista do Partido Democrático na América Meridional, Antonella Pinto, e o Senador Fabio Porta, candidato à Câmara dos Deputados, denunciaram às autoridades diplomático-consulares italianas e à justiça Venezuelana uma flagrante violação da lei eleitoral ocorrida em algumas cidades da Venezuela e, em particular, em Guanare. Aqui, a empresa contratada pelo Consulado para entregar os envelopes eleitorais, a “Domesa”, teria entregue todos eles a duas pessoas estranhas ao correio postal que, por sua vez, teriam confirmado que teriam sido sempre eles que “recebem e distribuem” o material eleitoral enviado pelo Consulado de Caracas.

Esse episódio veio à luz após indicação precisa e circunstancial feita por diversos cidadãos italianos que, não vendo chegar o envelope, teriam protestado junto à empresa “Domesa” que, por sua vez, os havia entregue a dois indivíduos suspeitos. Obviamente os envelopes eleitorais foram entregues somente a quem se empenhava em votar para alguns candidatos enquanto que para aqueles que não se apresentavam (ou não pediam o envelope com as cédulas eleitorais) os dois senhores teriam providenciado votar e entregar o material eleitoral diretamente no Consulado. Se esses episódios forem confirmados pela investigação em andamento seria uma violação muito grave da lei eleitoral e, nesse sentido, já alertamos o departamento dos italianos no exterior do PD e, portanto, a Direção Geral dos Italianos no Mundo do Ministério do Exterior.

O Partido Democrático continuará até a última hora de votação no exterior e, durante o escrutínio, a acompanhar com a devida atenção qualquer possível violação da transparência e do sigilo do voto, a tutela da dignidade dos italianos no mundo e da legalidade do processo eleitoral em todo o mundo. Fonte: Assessoria de imprensa Fabio Porta