Facebook

Casas baratas na Itália

Comprar uma casa ou apartamento na Itália é um sonho que povoa a mente de muitos, italianos e estrangeiros. No entanto, comprar um imóvel é uma despesa que nem todos podem assumir, principalmente devido aos preços elevados em grandes cidades, como Milão, Roma ou Turim. 

Ao mesmo tempo, é crescente o despovoamento das pequenas aldeias, de onde mais e mais jovens partem para não mais voltar, interrompendo, assim, a alternância de gerações.

Uma solução para esse fenômeno que se alastra por todo o país parece ter sido encontrada por vários municípios italianos, que oferecem casas à venda por um euro, em editais públicos, por meio do projeto "Casas por 1 euro ". São apartamentos e vilas de proprietários particulares, de norte a sul, destinadas ao  abandono ou à demolição, que dessa maneira podem ser reestruturados e recuperar seu valor. 

Obviamente, quem compra uma casa por 1 euro terá que respeitar certas condições. Veja quais são os requisitos necessários.
Comprar uma casa por 1 euro: como fazê-lo

É possível comprar casas por 1 euro, graças aos procedimentos públicos promovidos por vários municípios, visando a venda simbólica de edifícios antigos e não utilizados. Para prosseguir com a compra do imóvel, no valor de 1 euro, deve-se garantir:

- a renovação e reavaliação do edifício, dentro de 365 dias da compra, por um valor em torno de 20 a 25 mil euros;
- as taxas notariais para o registro e transferência do imóvel;
- que as obras terão início dois meses após o recebimento de todas as licenças;
- uma política de garantia de 5 mil euros por um período de três anos para assesgurar a compra para o Município.

Portanto, é possível comprar uma casa por 1 euro, mas o comprador terá que garantir a cobertura dos custos de reforma dos edifícios. 

Onde comprar uma casa por 1 euro na Itália

Vários municípios italianos disponibilizaram casas por 1 euro, juntando a iniciativa ao concurso público para a alocação de propriedades. A lista de municípios que oferecem casas à venda por um euro vê a presença das regiões norte e sul, passando pelas ilhas, e também está disponível no site oficial casea1euro.it .

Aqui a lista completa:

Lecce no Marsi (Áquila), Abruzzo
Zungoli (Avellino), Campânia
Patrica (Frosinone), Lácio
Cantiano (Pesaro Urbino), Marcas
Borgomezzavalle (Verbano Cusio Ossola), Piemonte
Carrega Ligure (Alexandria), Piemonte
Fabbriche di Vergemoli (Lucca), Toscana
Montieri, (Grosseto), Toscana
Ollolai (Nuoro), Sardenha
Nulvi (Sassari), Sardenha
Mussomeli (Caltanisetta), Sicília
Gangi (Palermo), Sicília
Regalbuto (Enna), Sicília
Salemi (Trapani), Sicília
Sambuca (Agrigento), Sicília

Comprar casa por 1 euro: requisitos

Como em qualquer concurso público, mesmo para comprar casas por 1 euro, você precisa de requisitos específicos, que variam para os vários municípios. Em todos os casos, podem participar dos editais:

a) proprietários, agências e / ou empresas únicas que tenham como objeto social o gerenciamento de propriedades para uso turístico e hospitaleiro;
b) cidadãos italianos, da UE e de países terceiros .

As empresas e consórcios devem:

- estar registrado na Câmara de Comércio para fins relacionados ao assunto do edital;
- estar em conformidade com as disposições em vigor em matéria de contribuições sociais e previdenciárias;
- não estar sujeito a processos de insolvência. (Com informações do site Money.it)