FABIO PORTA CANDIDATO PD

Fabio Porta alerta sobre fake news que circulam nas redes

Cidadania Italiana "ius sanguinis", limitação ao reconhecimento, fundo da cidadania: saiba o que é verdade e o que é falso.  

1• VERDADEIRO - Fabio Porta é a favor do "ius sanguinis" e a proposta do Partido Democrático (PD) não prevê qualquer limitação ao reconhecimento da cidadania de descendentes de italianos.

2• VERDADEIRO - O “ius scholae” que propomos reconhece a cidadania a crianças estrangeiras que sejam filhos de pais legalmente residentes (incluindo brasileiros) ao final de um ciclo completo de estudos.

VEJA: Fabio Porta é candidato a Deputado nas eleições da Itália 2022

3• VERDADEIRO - Fabio Porta é o autor da lei que institui o "Fundo de Cidadania", que transfere 30% da contribuição dos pedidos de cidadania aos consulados para melhorar os serviços consulares e eliminar as longas esperas.

4• VERDADEIRO - É graças a esses recursos (mais de 30 milhões de euros em 5 anos) que novos consulados foram abertos no mundo (como o "consulado" em Vitória); sem este "fundo", os consulados italianos na América do Sul entrariam em colapso.

5• VERDADEIRO - Fabio Porta propõe aumentar a transferência aos consulados para 50%, aumentando o “Fundo para a Cidadania”, utilizando-o também para a contratação de pessoal permanente e reforço dos consulados honorários. 

6• VERDADEIRO - Defendemos a abertura de um HELP DESK para facilitar o acesso a todos os serviços consulares.

Os cidadãos italianos no Brasil merecem serviços eficientes e é por isso que se faz necessário observar o melhor uso dos recursos disponíveis, investindo em digitalização, desburocratizar e simplificar procedimentos.

7• VERDADEIRO - Propomos um "caminho privilegiado" para jovens descendentes de italianos que desejam estudar ou trabalhar na Itália, através da emissão de um "visto permanente" e um rápido processamento dos pedidos de cidadania.

8• VERDADEIRO - Fabio Porta tem sido o parlamentar mais atuante entre os eleitos na América do Sul, nos últimos anos, obtendo resultados concretos e visíveis. Ele foi o primeiro parlamentar na história da Itália a denunciar e descobrir uma gigantesca fraude eleitoral, fazendo com que o senador eleito ilegitimamente perdesse, devolvendo a dignidade aos italianos no mundo e a legalidade ao voto no exterior.

Fatos e não palavras - Propostas e não fake news

Verdadeiro ou falso?

→ Fabio Porta e o PD estão contra o ius sanguinis e pelo ius soli.

FALSO. A proposta do Partido Democrático não prevê qualquer limitação ao 'ius sanguinis' e diz respeito ao 'ius scholae', cidadania para os filhos de estrangeiros residentes legalmente na Itália, ao final de um ciclo completo de estudos na Itália.

→ Fabio Porta é autor do imposto de cidadania.

FALSO. Fabio Porta é o autor da lei que prevê a transferência aos consulados de 30% do valor arrecadado com os pedidos de cidadania; nos últimos cinco anos este “Fundo” destinou cerca de 30 milhões de euros para melhorar os serviços consulares.

→ Fabio Porta foi o parlamentar mais presente e produtivo nestes últimos anos.

VERDADEIRO. O único parlamentar sul-americano nesta legislatura a estar presente em mais de 50% das sessões com percentual superior a 80%. O único eleito no exterior incluído nas três primeiras posições entre todos os parlamentares italianos da última legislatura.

→ Fabio Porta foi o primeiro parlamentar italiano a derrotar fraudes eleitorais.

VERDADEIRO. Após três anos de denúncias na Justiça italiana e argentina e na sequência de um recurso eleitoral no Senado, Fabio Porta conseguiu que fosse destituído o senador eleito por fraude, sendo proclamado Senador, obtendo um resultado histórico.

Saiba mais sobre Fabio Porta

https://www.fabioporta.com.br/

Alle aggressioni verbali e alle fake news rispondiamo con proposte e fatti concreti 

• Siamo favorevoli allo “ius sanguinis” e la proposta del Partito Democratico (PD) non prevede alcuna limitazione al riconoscimento della cittadinanza degli italo-discendenti.

• Lo ‘ius scholae’ che noi proponiamo riconosce la cittadinanza per i ragazzi stranieri figli di genitori regolarmente residenti (anche brasiliani) al termine di un intero ciclo di studi.

• Fabio Porta è l’autore della legge che istituisce il “Fondo per la cittadinanza”, che trasferisce ai consolati il 30 per cento del contributo per le domande di cittadinanza al fine di migliorare i servizi consolari ed eliminare le lunghe attese.

E’ grazie a queste risorse (oltre 30 milioni di euro in 5 anni) che sono stati aperti nel mondo nuovi consolati (come lo “sportello consolare” a Vitoria); senza questo “fondo” i consolati italiani in Sudamerica sarebbero al collasso.

• Proponiamo di portare al 50% il trasferimento ai consolati, incrementando il “Fondo per la cittadinanza”, utilizzandolo anche per la contrattazione di personale a tempo indeterminato e il rafforzamento dei consolati onorari. Proponiamo l’apertura di un HELP DESK per favorire l’accesso a tutti i servizi consolari.

I cittadini italiani in Brasile meritano servizi efficienti ed e’ per questo che occorre puntare al migliore utilizzo delle risorse disponibili, investendo nella digitalizzazione, sburocratizzando i procedimenti e semplificando le procedure.

• Proponiamo infine una “corsia privilegiata” per i giovani italo-discendenti che vogliano studiare o lavorare in Italia, attraverso l’emissione di un “visto permanente” e di una celere trattazione delle domande di cittadinanza.

• Fabio Porta è stato in questi anni il parlamentare più attivo tra gli eletti in Sudamerica, ottenendo risultati concreti e visibili.  E’ stato il primo parlamentare nella storia d’Italia a denunciare e scoprire un gigantesco broglio elettorale, facendo decadere il senatore eletto illegittimamente e restituendo dignità agli italiani nel mondo e legalità al voto all’estero.

Fatti e non parole - Proposte e non fake news

Campagna contro le fake news: Vero o falso?

FABIO PORTA E IL PD SONO CONTRO LO ‘IUS SANGUINIS’ E PER LO ‘IUS SOLI’.

FALSO. La proposta del Partito Democratico non prevede nessuna limitazione allo ‘ius sanguinis’ e riguarda invece lo ‘ius scholae’, la cittadinanza per i figli di stranieri regolarmente residenti al termine di un ciclo completo di studi in Italia.

FABIO PORTA E’ L’AUTORE DELLA TASSA DELLA CITTADINANZA.

FALSO. Fabio Porta è l’autore della legge che prevede il trasferimento ai consolati del 30 per cento di quanto incassato con le domande di cittadinanza; questo “Fondo” ha destinato negli ultimi cinque anni circa 30 milioni di euro a favore del miglioramento dei servizi consolari.

FABIO PORTA E’ STATO IN QUESTI ANNI IL PARLAMENTARE PIU’ PRESENTE E PRODUTTIVO.

VERO. L’unico parlamentare del Sudamerica in questa legislatura ad essere presente a più del 50 per cento delle sedute con una percentuale superiore all’80%. L’unico eletto all’estero inserito nelle prime tre posizioni tra tutti i parlamentari italiani della scorsa legislatura.

FABIO PORTA E’ STATO IL PRIMO PARLAMENTARE ITALIANO A SCONFIGGERE I BROGLI ELETTORALI.

VERO. Dopo tre anni di denunce presso la giustizia italiana e argentina e a seguito di un ricorso elettorale al Senato, Fabio Porta è riuscito a fare decadere il senatore eletto a seguito dei brogli ed è stato proclamato Senatore ottenendo un risultato storico.

Scopri di più su Fabio Porta

https://www.fabioporta.com.br/